boobox

quarta-feira, 2 de março de 2011

Bactéria modificada conserta rachaduras em concreto

Pesquisadores britânicos criaram uma nova maneira de consertar rachaduras em estruturas de concreto danificadas pelo tempo ou terremotos.
Modificando geneticamente a bactéria Bacillus subtilis, uma bactéria comum do solo, eles desenvolveram uma cola que pode alcançar profundamente as rachaduras. Uma vez em contato com o pH do concreto (que é bem específico), a bactéria alterada passa a germinar e produzir uma mistura de carbonato de cálcio que endurece tanto quanto o concreto ao seu redor.

Batizada “BacillaFilla”, a bactéria “sabe” quando deve iniciar a secretar a substância pelo seu próprio acúmulo, que indica que o fundo da rachadura já foi atingido.
Os cientistas tiveram ainda o cuidado de introduzir um gene auto destrutivo, para impedir que a bactéria se alastre desordenadamente, fato que poderia trazer resultados desagradáveis.
O uso dessa bactéria, pode aumentar a longevidade das construções e impedir que muitas delas tenham que ser demolidas após um terremoto, por exemplo.
Atualmente, cerca de 5% das emissões de dióxido de carbono causadas pelo homem vem da produção de concreto, preservar as estruturas que já existem também é uma maneira de ajudar a preservar o meio ambiente.
Fonte:http://bocaberta.org/2010/11/bacteria-modificada-conserta-rachaduras-em-concreto.html

Nenhum comentário: