boobox

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Comes e bebes


Porquinho da índia – Peru
Famílias peruanas têm o hábito de consumir os porquinhos, chamados de Cuy, pois possuem boa fonte de proteína, ideal para os aldeões que vivem nos Andes. Os animais são geralmente assados antes de serem servidos com todos os membros (incluindo a cabeça). Não há grande quantidade de carne e a pele parece elástica, mas segundo afirmam, tem sabor semelhante à carne de coelho.

Vinho de gaivota – Círculo Polar Ártico
O vinho de gaivota é uma invenção dos inuits, a mais populosa nação indígena do Canadá, que precisavam desesperadamente beber algo durante as noites frias do Ártico. Simplesmente eles colocam uma gaivota morta dentro de uma garrafa de água e deixam no sol. Outras bebidas igualmente bizarras, incluem o vinho de cobra e a vodka com leite e insetos, como a abelha e o gafanhoto – ambos encontrados no Vietnã.

Cabeça de ovelha – Noruega
Um prato tradicional do Natal, o Smalahove é feito de cabeça de cordeiro (sem a lã e cérebro) fervido em água por três horas. Tradicionalmente, os olhos e orelhas são consumidos em primeiro lugar enquanto ainda estão quentes. A língua e os músculos dos olhos também são muito apreciados.
Fonte e outros: http://colunistas.ig.com.br/obutecodanet/2009/10/14/jornal-britanico-elege-as-mais-esquisitas-comidas-do-mundo/

Nenhum comentário: