boobox

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Serial killer Pedro Alonso Lopez


Pedro ficou conhecido como Monstro dos Andes após os impressionantes números de assassinatos em sua farra de matanças em três países. Nativo da Colômbia, sua mãe (uma prostituta) o expulsou de casa, quando ele tinha oito anos, por acariciar sua pequena irmãzinha. Somando insultos a prejuízos, foi, então, apanhado por um pedofilista e sodomista. Quando ele tinha dezoito anos, foi estuprado por uma gangue na prisão. Para retaliar, matou três dos seus agressores. Após a sua libertação, começou a matar jovens garotas com alegria e impunidade. Em 1978, assassinou mais de 100 garotas no Peru. Depois de quase ser linchado por um horda furiosa de uma pequena aldeia, Pedro moveu suas atividades para a Colômbia e o Equador, onde seu desejo por sangue produziu em média 3 mortes por semana. Ele achava que matar garotas equatorianas era muito divertido porque elas eram "mais gentis e confiáveis, mais inocentes." As autoridades atribuíram precipitadamente o desaparecimento das garotas à escravidão ou a círculos de prostituição na região. Em 1980, uma rápida inundação revelou as primeiras das suas vítimas. Depois de ser preso, contou para os interrogadores o seu Reinado da Morte. Em princípio, as autoridades estavam céticas, mas todas as dúvidas desapareceram quando ele apresentou ao público mais de 50 covas. Acredita-se amplamente que a taxa de 300 mortes é uma baixa estimativa para este que é o mais produtivo dos serial killers.
Fonte:http://br.geocities.com/jlpagebr/pedro.html

Nenhum comentário: