boobox

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Mutante


Liam Hoekstra, um garotinho que nasceu em Roosevelt Park, Michigan, há menos de cinco anos, tem uma rara condição genética chamada "hipertrofia muscular ligada à miostatina". Esta raríssima doença ocasiona um crescimento dos músculos corporais acima do normal, sem afetar, segundo os médicos, o coração e não causa efeitos secundários negativos, ou seja, o sonho de todo fisiculturista.Liam era capaz de fazer o movimento "a cruz" com só 5 meses. Tem 40% a mais de massa muscular do que o normal, um rápido metabolismo e nenhuma gordura corporal. Liam pode correr como o vento, tem a agilidade de um gato, levanta objetos que nenhuma criança da sua idade lograria fazer e, sobretudo, come como uma lima nova; 6 vezes ao dia e sem se importar com a quantidade.
- "Liam nunca teve gordura corporal", conta a mãe. "A única gordura que tem está nas bochechas do tchutchuquinho da mamãe".
Com 8 meses Liam já fazia flexões na barra e já tinha barriga de "tanquinho" e nunca se machucou ao cair graças ao amortecimento de seus músculos.
Uma prova de sangue determinou que Liam não têm uma mutação genética que bloqueia a produção de miostatina. Mas sim que ela é bloqueada naturalmente. Seu caso é um dos aproximadamente 100 documentados em todo mundo.

Fonte: mdig

Nenhum comentário: