boobox

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Cantoras siamesas


Millie e Christine McCoy (1851 - 1912) eram duas irmãs gêmeas e siamesas unidas pela coluna vertebral. Um dos poucos casos de gêmeos siameses que tenham sobrevivido muito tempo. Atualmente o caso mais conhecido é o das gêmeas Hensel que você já viu aqui no MDig no tópico Um corpo, duas almas.
Millie e Christine nasceram como escravas de um ferreiro que posteriormente vendeu-as por mil dólares a um empresário circense. Durante sua infância foram instruídas na arte do canto de melodias da época. Sua especial compleição física e sua caixa de ressonância faziam de suas vozes a "oitava maravilha do mundo" como foram apelidadas mais tarde. As irmãs, apesar da falta de técnica vocal, eram consideradas como excelentes contralto (Millie) e soprano (Christine), de grande matização vocal com extraordinária afinação.
Sua fama logo cresceu, o que lhes permitiu fazer várias apresentações e arrecadar dinheiro suficiente para dar apoio financeiro às escolas para negros.
A popularidde das duas era tanta que a mesmíssima Rainha Vitória da Inglaterra recebeu as gêmeas em audiência com concerto incluído. Em 1860, Millie e Christine estavam no topo do estrelato.
Quando Millie morreu de tuberculose em outubro de 1912, os médicos deram morfina a Christine para ajudá-la a abreviar sua vida de maneira rápida e sem dor. No entanto, Christine ainda sobreviveu a sua irmã durante 17 horas.
Fonte: mdig

Nenhum comentário: